Camisas, insônia e o balde de gelo do Chaves.


Figurino geralmente não é parte importante de um programa de rádio, mas como a camisa que eu estava durante a gravação do primeiro podcast foi tão comentada quanto a presença de nossa produtora no estúdio, aí está a foto como prometido.
Eu gosto pra caramba dessa camisa, apesar de já saber que quando eu morrer, ela, e a irmã dela (sim, ela tem uma irmã, mas essa vocês não vão ver tão cedo, ela é tímida) já tem dona!

Mas deixando de falar um pouco da camisa, vamos falar de TV. Essa noite eu tive uma insônia maldita, e junto com o resto da população mundial, quando tenho esse problema, ligo a televisão. Claro que eu poderia ler, mas, o esforço de tentar dormir já me deixa sem saco pra ler legendas, quanto mais um livro, ou até mesmo uma revista em quadrinhos (sim, senhoras e senhores, a geração coca-cola está perdida). Mas minha sorte foi que junto com programões como o cine privé da Band, e A lenda do Cavaleiro sem Cabeça dublado na globo, (Johnny Depp dublado não dá!) e propaganda de um novo aparelho de ginástica que promete fazer mais do que todos os outros que vieram antes dele, e que parece não fazer absolutamente nada, no canal Sony. A Warner resolve me presentear com uma hora inteira de FRIENDS na madrugada. É claro que aí a insônia me pegou mesmo, porque ir dormir durante FRIENDS é no mínimo sacrilégio.


Passaram dois episódios, acredito eu que da segunda temporada (uma das melhores), um episódio que o Joey interpreta o dublé de bunda do Al Pacino, e o anterior a esse que mostra a famosa peça que ele interpreta Freud num musical bizarro. Friends é clássico mesmo.

Eu só fico me perguntando se um dia vou abusar do seriado. Porque, falando sério, algumas piadas eu gosto tanto, que antes de ouvir a claque, (aquela risadinha falsa do público que eles colocam pra pontuar as piadas, mas que nunca parece tão falsa depois que você ouve a claque de Chaves que mais parece alguém mexendo num balde de gelo do que realmente pessoas rindo, e agora eu me dei conta de que deve ser por isso que eu sempre achei baldes de gelo um tanto quanto gozados, sim leitores, eu sou meio perturbado), como ia dizendo, algumas vezes, antes de ouvir a claque de Friends já estou rindo. De verdade, preciso de outras sitcoms tão boas quanto o clássico dos seis amigos, e The Big Bang Theory, apesar de ser fantástica, ainda não supriu minha necessidade.

Por enquanto fico tentando achar com vocês sitcoms que daqui alguns anos façam da minha insônia, um momento feliz do dia!

4 comentários:

Tatyane Macedo disse...

Tá,Friends é incrível! Mas,The big bang theory, definitivamente, tá chegando lá!
O episódio em que o Sheldon resolve inventar uma mentira mirabolante pra Penny, pra poder encobrir uma outra mentira do Leonard é simplesmente sensacional!
E eu parei de ligar a tevê durante a madrugada, porque sempre vai ter um ótimo episódio de Friends pra ver!

p.s.: A dona da camisa sou eu! (Depois que Mateus morrer, é claro!)

=****

Taty

suzana disse...

Eu acho que Friends é irrepetível na categoria, e acho que esse texto tem o maior parêntese que eu já vi. E eu roubo a camiseta antes de ir pra Taty por direito (muhuaaaaa).

Tá massa o blog! :D

Tatyane Macedo disse...

Tá perdendo a noção do perigo, hein?! Tá por fora do que eu já mandei fazer (porque eu não sujo minhas mãos de sangue)por muito menos!
A camisa é minha e se a questão é direito... Eu sou a mãe!

Rsrsrsrsrssr!

p.s.: apesar da audácia, obrigada pelo comment! rssrsrs

=***


Taty

folhasenotas disse...

comentei no teu fotolog! quem mandou postar la também?
Beijo.

Débora.

 
Design by Wpthemedesigner. Converted To Blogger Template By Anshul .