Porque não é tevê, é AGÁ BÊ Ó

Há alguns anos, na casa de um amigo, liguei a TV e descobri um filme legal passando. Fiquei assistindo, esperando dar a hora do comercial pra fazer xixi. Passaram-se então dez minutos, vinte minutos, trinta minutos, e nada do comercial chegar. Desisti e fui assim mesmo. Quando voltei, o filme ainda estava passando. Perguntei pro meu amigo qual era o problema daquele canal, e descobri que a HBO não passava comercial durante seus programas. Fiquei chocado e impressionado. Começou ali, uma linda história de amor entre um espectador, e um canal de televisão.

Ok, meio exagerado, mas é verdade, a HBO é hoje, uma excepcional emissora de TV, e que não só é a melhor na sua programação, mas consegue produzir programas geniais e fantásticos.

Um pouquinho de história: Em 1965, um cara ganhou o direito de ter o controle sobre a transmissão de TV a cabo em Manhattan, aí ele aproveitou pra lançar seu próprio canal nesse esquema, o canal foi depois comprado por outra corporação, e o dono original que criou o até então chamado “The Green Channel” lançou a idéia de enviar o sinal de TV por satélite em microondas. A corporação apoiou o cara, e transformou o tal Green Channel na HBO, o primeiro canal de TV a ser transmitido via satélite (por microondas) na história.

E até em invasão a HBO é pioneira, em 1986 uma confusão estava rolando entre os empresários da indústria televisiva porque para receber sinais de TV via satélite, o consumidor tinha que ter um receptor que ele mesmo pagava pra poder codificar o sinal. O tal aparelho era caro, e a assinatura mensal era mais cara ainda do que o sinal a cabo, mais comum nos Estados Unidos. Aí a HBO veio e lançou seu sinal via satélite com uma forma mais simples de recepção, e pelo mesmo preço que as empresas a cabo faziam. Isso irritou muito um senhor empresário de uma companhia de TV via satélite, e numa noite, ele simplesmente invadiu o sinal aéreo da HBO e enviou uma mensagem ameaçando a emissora por cobrar preços mais baixos. O cara no final das contas foi encontrado e preso, e a HBO continuou a crescer.

Hoje, o canal é um dos mais assistidos na televisão paga, e tem seus seriados exibidos no mundo todo por uma forte razão. Como eles não têm anúncios durante as exibições, a liberdade de conteúdo de seus programas é quase ilimitada, pelo canal não ter amarras comerciais nenhuma com seus anunciantes. Isso já os fez produzir mini-séries fantásticas como “Band Of Brothers” (do Tom Hanks e do Steven Spielberg) e “Angels In America” (com a Meryl Streep e o Al Pacino, fantástica por sinal), e seriados como “Six Feet Under”, “In Treatment” (que foi o primeiro seriado a ser exibido cinco dias por semana) e “Roma” (o seriado mais caro já feito na televisão, só com atores de teatro e todo gravado na Itália). O canal também tem produzido séries brasileiras como a elogiadíssima “Filhos do Carnaval”, “Mandrake” com o Marcos Palmeira, e em setembro lança, ALICE, com 13 episódios já gravados em São Paulo.

É tanta moral que cada vez que eles anunciam uma nova série, eu corro pra ver, e raramente me decepciono. É por isso que eles se dão ao luxo de dizer, não somos TV, somos a HBO.

P.S.: E eu não ganhei absolutamente nada pra fazer esse post, pra se ter uma idéia, nem o canal em casa eu tenho. Mas com tanta Record e SBT espalhada por aí (e porque não dizer, Globo), temos que aprender a reconhecer quando vemos TV de qualidade.

3 comentários:

.Noites que não dormi. disse...

Muito bom, adorei o P.S!
Fantástico!

Myrianna Coeli disse...

Eu quero trabalhar um dia na HBO, só assim eu não tenho que fazer vídeos óbvios. rsrsrsrsrs

Taty Macoli disse...

meu filho corra, pq se vc não casar com a HBO eu caso.

é muito amor! =P

kkkkkkk

 
Design by Wpthemedesigner. Converted To Blogger Template By Anshul .